Página Inicial » Google » Quem é Philip Kotler: e porque ele é considerado o pai do marketing

Quem é Philip Kotler: e porque ele é considerado o pai do marketing

Em linhas gerais, Philip Kotler é uma das grandes referências para o marketing devido à notável carreira que construiu ao longo dos anos. Sua atuação é bastante ampla, é professor, consultor de marketing e autor de livros.

Foi consultor em grandes empresas como, por exemplo, IBM, Motorola e Bank of America e professor universitário.

Além de ser autor do livro Administração de Marketing – analise, planejamento, implementação e controle. Mas essa não é a sua única obra, ele é autor de outros livros que envolvem marketing.

Possui uma ampla formação acadêmica. É mestre em economia pela Universidade de Chicago, doutor em economia pelo Instituto Tecnológico de Massachusetts. Além de ser pós-doutor em matemática por Harvard e também em ciências comportamentais pela Universidade de Chicago.

Integra o corpo docente de marketing da Universidade Northwestern, localizada nos Estados Unidos. Natural de Chicago nasceu em 27 de maio de 1931.

Define o marketing como a forma de satisfazer, agradar e reconhecer as necessidades do ser humano para alcançar rendimentos.

Associa-se com a comercialização de bens e serviços juntamente com a satisfação da sociedade.

Para Kotler o marketing pode ter inúmeras abordagens. O marketing reúne as informações, ideais, visão do negócio, marca, demanda, valor e a satisfação do cliente.

Tudo deve convergir na entrega de valor para o consumidor. Kotler explica que quando atende e ultrapassa a expectativa do cliente a probabilidade deve adquirir novamente o produto é maior.

Assim, quando se fala em marketing o nome de Kotler é um dos primeiros a serem lembrados.

Como se nota, devido a sua atuação é conhecido como um dos grandes nomes no mundo dos negócios.

Deste modo, Philip Kotler é visto como o pai do marketing por causa da vasta experiência acadêmica e profissional, além das obras publicadas que elucidam como são as ações de marketing.

Os ensinamentos de Kotler para o marketing

Em seu livro Philip ensina sobre os conceitos de marketing, a função do marketing na organização de uma empresa até as estratégias de propagandas e vendas.

É considerado um livro de cabeceira para os estudantes e profissionais da área de marketing.

Para Philip, o marketing e a economia caminhas juntos, pois a demanda e o preço são conectados com o consumidor.

Diagnóstico do seu marketing souvistoo

Outro ensinamento de Kotler é a abordagem diversificada para que o produto ou serviço das empresas foquem na satisfação do cliente, nas vantagens e na precificação.

É de ser revelado que, para Philip o marketing não deve ser restringido somente para as empresas.

Os seus ensinamentos abordam novas definições para o marketing, de como pode ser aplicado em outras áreas, como por exemplo, no governo, na saúde e no comportamento da sociedade.

Registrem-se outros ensinamentos de Philip acerca do marketing:

  • Marketing convencional acabou, pois os clientes mudaram. Atualmente os consumidores exigem mais informações acerca do produto.
  •  Marketing social deve ser mais explorado, uma vez que os consumidores preferem empresas que são engajadas em causas sociais.
  • Com boas estratégias de marketing a empresa ajuda a sociedade e encanta o cliente.
  • Produto deve atender as necessidades do consumidor, isto é, resolver a dor do cliente. É importante conhecer a persona, que significa dizer o cliente ideal para o seu negócio.
  • Processo de inovação dentro do negócio é extremamente relevante, principalmente por conta do avanço da tecnologia. Os clientes desejam produtos modernos, inovadores e atuais.
  • O marketing deve ser o centro da empresa, deve estar conectado com todos os departamentos da empresa.

Sendo assim, Philip Kotler evidencia que o marketing deve ser um dos pontos centrais de atenção dentro da empresa, visto que o marketing integra o elo entre a empresa e o consumidor.

Do marketing 1.0 ao 4.0 de Philip Kotler

Segundo Kotler o marketing passa por diversas fases. Cada fase possui suas características próprias e seus pontos de destaque dentro do marketing. São quatro fases, 1.0, 2.0, 3.0, e 4.0, a saber:

Na fase do marketing 1.0, a empresa foca nos produtos. A principal característica é a entrega de um produto de qualidade para o consumidor.

A fase do marketing 2.0 a empresa busca melhorar a entrega do bem ou do serviço a fim de que atenda a necessidade do comprador. As empresas desejam encantar o cliente com o bem ou o serviço que é comercializado.

Já o marketing 3.0 aponta que as empresas trabalham para entregar um bem ou serviço de qualidade, que possam atribuir valor para o cliente, além de contribuir para a evolução do mundo.

Enquanto que o marketing 4.0 tem o objetivo de aliar a tecnologia com a entrega do bem ou do serviço da empresa.

Com a abordagem do marketing 4.0 as empresas usam a tecnologia, bem como a internet para aproximar e aumentar o relacionamento com o cliente e como consequência ampliar o número de vendas.

Os 4’p do marketing para Philip Kotler

De antemão, o mix de marketing é concebido pelos 4’p que são produto, preço, promoção e praça de McCarthy, abordado por Kotler em seu livro.

O produto se refere às qualidades, características e designer. O preço representa o valor, tempo de pagamento, descontos e condições.

Já a promoção aborda a forma de vender, sendo assim refere-se a propaganda, relação com o público e marketing direto. E a praça cuida do local, estoque e transporte dos produtos.

Contudo Philip explica em seu livro Administração de Marketing que os 4’p podem ter uma nova abordagem com a moderna administração do marketing. Fica composto por pessoas, processos, programas e a performance.

Tendo em vista a nova abordagem dos 4’p, as pessoas se referem ao marketing interno e externo. Os processos cuidam da criação e inovação.

 Já os programas são todas as ações que são voltadas para o cliente, além de abranger os antigos 4’p.  E a performance reflete os indicadores que mostram os resultados das ações.

Logo, essa atualização é relevante, pois consegue ser aplicada em todos os setores da empresa, sendo mais abrangente.

Em resumo, Philip Kotler é um dos grandes influenciadores no mundo do marketing, sua contribuição é imensurável, são inúmeros ensinamentos sobre como aprender e trabalhar de forma efetiva com o marketing. Essas contribuições o consagram como pai do marketing.

1 comentário em “Quem é Philip Kotler: e porque ele é considerado o pai do marketing”

Os comentários estão encerrado.

Open chat
Oi, tudo bem? Como posso te ajudar? :)
Oi, tudo bem?
Como posso te ajudar? :)